Últimas notícias

Presença de Felipe Massa no grid mostra relevância

Categoria já é febre entre pilotos do mundo todo e atrai competidores de várias outras séries de topo do automobilismo

Praticamente metade de um grid de Fórmula 1 esteve presente a Interlagos na abertura da temporada da Stock Car, na Corrida de Duplas. A prova, que trouxe vários nomes do Brasil e do mundo, já virou uma febre entre os pilotos estrangeiros, que sempre demonstram seu desejo de retornar ao Brasil para correr na principal categoria do automobilismo brasileiro.

No dia 5 de agosto, a Stock Car realiza mais uma de suas grandes provas: a Corrida do Milhão, que chega à sua décima edição e paga um milhão de reais ao vencedor. Oportunidade para equipes reforçarem seus quadros e trazerem mais pilotos na busca pelo prêmio.

A lista de competidores desejosos em participar não é pequena e, no caso da Corrida do Milhão, que paga um milhão de reais ao vencedor, o grid torna-se ainda mais restrito. A prova já terá gente do calibre de Daniel Serra, Felipe Fraga, Rubens Barrichello, Cacá Bueno, Max Wilson, Lucas di Grassi e Nelsinho Piquet, entre outros, formando o atual grid da Stock Car e buscando a maior premiação do automobilismo brasileiro.

Outros grandes nomes já tiveram suas participações confirmadas na prova do próximo dia 5 em Goiânia, como Felipe Massa e o argentino Augustín Canapino pela equipe Cimed, o português Antonio Félix da Costa pela Hero Motorsport e o goiano Renato Braga pela Bardahl Hot Car.

“É gratificante ver todo este interesse de pilotos de outras grandes categorias na Stock Car. Nosso grid já é altamente estrelado com excelentes nomes, pilotos realmente de ponta, e a prova deste interesse é o grid que tivemos na Corrida de Duplas no começo do ano em Interlagos. A Corrida do Milhão não é disputada em duplas, mas mesmo assim algumas equipes fizeram grande esforço para trazer nomes como o Felipe Massa ao evento. Isso só engrandece a prova e atrai atenção do público”, aponta Rodrigo Mathias, CEO da Stock Car.