Últimas notícias

Pilotos Shell aprovam novidades da Stock Car

Categoria anunciou 12 rodadas duplas "nonstop", pontos para o pole, ampliação dos descartes e manutenção do lastro de sucesso

Principal categoria do esporte a motor no Brasil, a Stock Car anunciou na manhã desta segunda-feira (22 de março) seu pacote desportivo para a temporada 2021, ano que promete ser o mais profissional e competitivo nas mais de quatro décadas de história do evento.

A maior novidade é a adoção do formato “nonstop” entre as duas baterias de cada uma das 12 etapas. Na volta de desaceleração após a corrida de 25 minutos, os carros se reordenam para a inversão das dez posições do grid e imediatamente largam para a bateria de 20 minutos.

O pit-stop obrigatório agora é restrito à corrida 1, cujo pole-position terá direito a dois pontos pela conquista da posição de honra.

Novidades introduzidas em 2020, o lastro de performance e os descartes seguem na regra deste ano, com ajustes. Agora a distribuição de peso adicional atinge os seis primeiros colocados na tabela de pontuação (antes era restrito ao top5), com o líder levando 30 kg, o vice-líder 25 kg e assim sucessivamente até o sexto, com 5 kg. Os descartes no ano passado eram dos três piores resultados e agora passam para os quatro piores.

O calendário terá dez encontros durante o ano, dois deles com etapas duplas. Os fins de semana com quatro corridas serão anunciados posteriormente pela Vicar.

Pilotos e chefes de equipe patrocinados pela Shell aprovaram as novidades da Stock Car para 2021. A expectativa agora é ver a nova dinâmica em ação, na etapa de abertura da temporada marcada para o último fim de semana de abril em palco ainda a ser anunciado.