Últimas notícias

Full Time coloca os 4 Corollas no Top-10

Estreando na equipe, Suzuki conquista o melhor resultado, com o quarto lugar no grid. Barrichello é sétimo, Rossi oitavo e Piquet décimo

Bom início para a equipe Full Time Sports no primeiro dia de atividades para a etapa inaugural da temporada 2020 da Stock Car, que está sendo disputada no autódromo Ayrton Senna, em Goiânia (GO).

Uma das equipes que representa a Toyota Gazoo Racing, o time dirigido por Maurício Ferreira colocou seus quatro Corollas entre os 10 primeiros no grid de largada. Rafael Suzuki, que faz sua estreia com o time, ficou com o melhor resultado e parte da quarta colocação.

O campeão de 2014, Rubens Barrichello, largará em sétimo, com o novo companheiro Matias Rossi em oitavo. Nelson Piquet Jr., que completou 35 anos neste sábado, foi o décimo colocado no grid.

Neste domingo (26), as provas terão suas largadas às 11h30 e 12h20, com transmissão ao vivo do SporTV 2. Ambas serão mais curtas que o habitual, com 30 minutos e mais uma volta.

Neste sábado, o grid também foi definido num formato diferente, só com Q1 e Q2, sem a realização do Q3. Como de costume, a categoria mostrou muita competividade com todos os pilotos dentro do mesmo segundo ao final do Q2.

Suzuki passou para a etapa final com o nono tempo e conseguiu uma boa volta para garantir o quarto lugar no grid. “Estamos no início de trabalho com a equipe, então não imaginava que já seria tão bom assim. Mas mostra que estamos bem entrosados. Todos me receberam muito bem, desde o começo. Estou muito feliz e motivado, independentemente da colocação. Já me sinto em casa e isso é importante, porque temos toda a temporada pela frente”, comentou Suzuki, que está em sua sétima temporada na Stock Car.

“Consegui encaixar uma boa volta no Q2, mas o que vale de verdade é amanhã. Então, vamos manter os pés no chão, trabalhar e tentar buscar um bom resultado”, completou o dono do Corolla #8.

Barrichello, que já venceu quatro vezes na pista goiana (2014, 2016, 2018 e 2019), também espera lutar por um bom resultado neste domingo. O piloto da Mobil ALE Full Time Sports também avaliou o primeiro dia de atividades, neste retorno da Stock Car.

“É tudo muito novo. Foi uma classificação super atípica. Os primeiros do campeonato do ano passado foram pra pista antes, então, fiquei neste bolo. Eu virei na minha terceira volta do Q1, que é algo ainda mais atípico, porque geralmente o pneu já subiu a temperatura. Mas, para os pequenos problemas que eu tinha no carro, eu acho que a sétima posição foi boa. Fico feliz de ver um Toyota na frente e, mais feliz, por saber que temos um carro competitivo para lutar pelo pódio e pela vitória amanhã”, afirmou o campeão da Stock Car de 2014, que está em sua oitava temporada na categoria, todas com a Full Time.

Multicampeão no automobilismo argentino, Matias Rossi também começou bem em sua estreia na Stock Car. “Estou muito feliz. Foi um dia muito bom, deu tudo certo em todos os treinos e na classificação. Gostaria de agradecer mais uma vez à Toyota Argentina, à Toyota Brasil e a Full Time por poder estar competindo aqui. Vamos com bastante confiança amanhã para poder estar entre os 10 nas duas corridas”, declarou o piloto do Corolla #117, que nunca havia andado no traçado de Goiânia antes.

Fechando o quarteto da Full Time, Piquet também conseguiu um bom resultado. “Tivemos o primeiro dia de treinos com todas as equipes e os carros novos. Foi um bom dia, ainda podemos evoluir em alguns pontos, mas já deu para ver que a disputa está bem apertada”, comentou Piquet, que fará sua terceira temporada na Stock Car levando as cores da Texaco no Stock #33.

“Poderia ter sido melhor, mas acabamos tendo um desgaste maior do pneu no Q1 e faltou um pouco para o Q2. Vamos trabalhar para amanhã e tentar marcar bons pontos nas duas corridas. Goiânia é uma pista que eu gosto bastante, sempre tive bons resultados, então, espero que amanhã possa ser um bom dia para nós”, finalizou o piloto que já foi ao pódio duas vezes no circuito goiano, com dois segundos lugares (2018 e 19).

A etapa goiana marca a estreia de uma série de novidades na categoria, dentre elas o novo carro, bem mais próximo dos modelos de rua, e disputa entre as duas montadoras.

Em virtude da pandemia do coronavírus, a etapa não terá a presença de público e só foi possível graças a um rigoroso protocolo de segurança sanitária, que está sendo seguido por todos os pilotos, equipes e profissionais que trabalham no evento.

Confira os 10 primeiros no grid em Goiânia:
1 #10 Ricardo Zonta (RCM Motorsport Corolla) 1:26.014
2 #90 Ricardo Mauricio (Eurofarma-RC Cruze) 1:26.151
3 #29 Daniel Serra (Eurofarma-RC Cruze) 1:26.173
4 #8 Rafael Suzuki (Full Time Bassani Corolla) 1:26.366
5 #18 Allam Khodair (Blau Motorsport Cruze) 1:26.432
6 #0 Cacá Bueno (Crown Racing Cruze) 1:26.454
7 #111 Rubens Barrichello (Full Time Sports Corolla) 1:26.469
8 #117 Matias Rossi (Full Time Sports Corolla) 1:26.476
9 #28 Galid Osman (Shell V-Power Cruze) 1:26.480
10 #33 Nelson Piquet Jr (Full Time Bassani Corolla) 1:26.487
Grid completo: https://cba.org.br/pastas/documentos/stream/0d637fcf8ba1a88b6bf0b3f09e029959/Resultado+-+Classifica%...

A programação da 1ª etapa:

Domingo, 26 de julho
11h30 - Largada Corrida 1 (30 minutos + 1 volta) – Ao vivo SporTV 2
12h20 - Largada Corrida 2 (30 minutos + 1 volta) – Ao vivo SporTV 2

Saiba mais sobre a equipe Full Time Sports:
http://fulltimesports.com.br
Instagram: @fulltimesports
Facebook: https://www.facebook.com/fulltimesports10

Imprensa:
FGCom
Fernanda Gonçalves
[email protected]