Últimas notícias

Eurofarma RC tem corrida atípica, sem pódio em SP

Ricardo Maurício foi quinto, enquanto tricampeão Daniel Serra amargou um 13º lugar na segunda etapa do ano.

A corrida que começou com chuva e evoluiu para pista seca ao longo dos trinta minutos, foi bastante conturbada, com muitos toques e ultrapassagens. Ricardo Maurício, saiu da décima para quinta posição na bandeirada final. “Foi uma corrida atípica, muito movimentada, acho que tivemos uma boa estratégia, perdemos um tempinho ali no pit stop, estava mais pesado por causa do lastro, mas, acho que foi muito válido”, diz ele.

O tricampeão Daniel Serra teve uma primeira metade da corrida extraordinária, saindo da décima sexta para a sexta posição, com a ajuda, inclusive, de um pit stop rápido e preciso. Mas, uma sucessão de toques na reta final levou o tricampeão para o décimo terceiro lugar. “Fizemos a primeira metade da corrida boa, uma boa estratégia, entramos na hora certa para parar e colocar o pneu slick, mas, depois da segunda metade eu acabei tendo uns toques e acabei perdendo posição, e tudo bem, hoje não era meu dia”.

Para a corrida de amanhã, quando será disputada a tradicional Corrida do Milhão, pilotos e equipes terão apenas os dados e muito feeling para fazerem o acerto dos carros. “Os carros nunca andaram aqui em Interlagos no seco e não temos informações suficientes para definir um acerto mais preciso”, diz Rosinei Campos.

Com um classificatório e uma corrida no sábado pela manhã, eles terão o período da tarde para os ajustes, mas, sem treinos para testes antes da próxima formação de grid, marcado para às 8h15 desse domingo.

O resultado e a performance das equipes poderão ser conferidos a partir das 11 horas, com a transmissão ao vivo pela Rede Globo.