Últimas notícias

Eurofarma disputa sua oitava final de campeonato

Em dez anos equipe disputou o título de pilotos em 80% delas

Dos pilotos que hoje ocupam a ponta da tabela de classificação da Stock Car, dois são da equipe Eurofarma, 7 vezes campeã desde 2014, quando entrou na categoria. Se considerados apenas os últimos 10 anos, em oito eles estiveram na disputa pelo título.

O chefe de equipe é Rosinei Campos, na categoria desde 1979. Apesar da simplicidade com que fala do seu trabalho, reconhece que já perdeu as contas de quantas vezes passou pela experiência de disputar uma final de campeonato, mas, não se sente pressionado. “As pessoas falam em pressão, mas, não sentimos isso. Nosso trabalho é corrida e trabalhamos para estar aqui nesse momento, então, temos que manter a calma e pensar apenas no nosso trabalho”, diz ele.

Também não é incomum a disputa pelo título ser também dentro de casa, já que por diversas vezes, contou com ao menos dois carros andando na frente. “Isso é muito interessante e também já passei por isso algumas vezes ao longo desses anos. Temos sempre que manter as regras claras, pois, não há um favorito”, explica.

No próximo domingo, 13 de dezembro em Interlagos, Rosinei Campos enfrenta novamente essa tarefa, com Daniel Serra e Ricardo Mauricio na disputa pelo título.

O piloto que conduz o carro de número 90, está há 15 anos na equipe Eurofarma. Na última década, esteve oito vezes entre os Top 10, com dois vice-campeonatos e o título de bicampeão. “Todo ano o cronometro zera e começamos de novo e de novo, claro que os resultados anteriores importam para a nossa história, mas, a disputa diária é o foco nesse momento”, diz ele.

Daniel Serra está na equipe há 4 anos, mas, ainda assim, se observados os resultados desde 2010, o piloto do carro 29 esteve no Top 10 em todas as temporadas e nos últimos 3 anos foi campeão consecutivo da Stock Car. “É interessante perceber esse processo evolutivo, mas, as vitórias vieram nesse encontro com o a equipe, com o Rosinei Campos. E foi esse trabalho focado que me colocou de novo na disputa, já que há quatro etapas eu era apenas o décimo segundo na tabela. O segredo e é manter a equipe unida, focada no resultado e nunca desistir”, ensina.

Hoje, Daniel Serra é o vice-líder com 237 pontos, e está apenas a um ponto do líder, Thiago Camilo e Ricardo Maurício ocupa o terceiro lugar com 231.

A disputa final será em Interlagos no domingo, 13 de dezembro a partir das 12h30, com transmissão ao vivo pela Band e SPORTV. “Quem vencer, leva”, disparam os pilotos.

Além da dupla, também estão na disputa Thiago Camilo, Ricardo Zonta, Gabriel Casagrande, Rubens Barrichello, Cesar Ramos, Allan Khodair, Guilherme Salas, Diego Nunes e Nelsinho Piquet.