Últimas notícias

Daniel Serra: "Um ano difícil. Prefiro ganhar"

Atual tricampeão vem flertando com o azar na temporada 2020, dando apenas uma volta na liderança em seis corridas.

"Por mais que a corrida de recuperação seja legal, eu prefiro ganhar”.

- Daniel Serra

A temporada 2020 não vem sendo das melhores para Daniel Serra. Depois de três anos de domínio absoluto e títulos incontestaveis, o filho de Chico Serra não vem sendo agraciado pela sorte.

Por incrível que pareça, Serrinha deu apenas uma volta na liderança em 2020. Ele também deu uma volta só em segundo e duas em terceiro. A posição que ele mais andou até o momento foi a quarta, com 25 voltas. Isso obviamente se reflete na classificação do campeonato: P12, com 58 pontos, contra 105 de Barrichello.

Até o momento foram três top 10, com um P4 e um P6 em Goiânia. Em Interlagos, foi P13 na etapa do sábado e sequer largou na Corrida do Milhão Solidário. Em Cascavel, amargou um P15 e um P10, sem rádio, tendo de conversar com a equipe por placas e sendo espremido pra fora da pista, para completar a festa.

“Um ano difícil, logo na largada já me colocaram na grama e caí de sétimo pra décimo segundo, então, optamos por brigar pela segunda corrida, mas, me chamaram pra box antes da bandeirada e eu não pude voltar, com 4 pneus bons. Foi um bom resultado, mas, por mais que a corrida de recuperação seja legal, eu prefiro ganhar”.

Será que a sorte dele muda em Cascavel?