Stock Light

Baptista vence corrida 2 no Velopark em pista seca

Prova foi marcada por muitas confusões e acidentes, um deles provocando o fim da prova em bandeira amarela.

Vitor Baptista encerrou com vitória a rodada dupla que abriu a temporada 2019 da Stock Light no Velopark. Em uma corrida marcada pela pista seca e por diversos acidentes – inclusive um que provocou o encerramento da prova em bandeira amarela. 

Logo na largada, abortada por três vezes por falta de alinhamento dos carros, o pole position, André Moraes Jr, foi superado por Marcio Campos, que saltou para a liderança já na primeira curva. Pouco depois, Vitor Baptista, quinto do grid, partiu para o ataque e tomou a segunda posição de Moraes.

Imprimindo um ritmo muito forte e utilizando o botão de ultrapassagem, Baptista atacou Marcio Campos e saltou para a ponta já na terceira volta. Uma volta mais tarde, Marco Cozzi aproveitou a disputa por posições entre André Moraes e Marcio Campos, que resultou em uma rodada de Campos, para pular para a segunda posição. 

Mesmo após três entradas do safety car, causadas por seguidos acidentes, Vitor Baptista conseguiu, em todas as relargadas, imprimir ritmo mais forte que Cozzi para se manter na ponta e vencer a segunda corrida após a neutralização do grid por conta de um forte acidente envolvendo o campeão de 2017, Gabriel Robe, que passa bem. Cozzi e Gui Salas completaram o pódio. "A corrida foi sensacional. Inicialmente seria um teste com a equipe mas mostramos o nosso serviço", comentou o vencedor.

A próxima rodada dupla da Stock Light acontece no dia 19 de maio em Goiânia. Confira o resultado final da corrida 2:

1 . Vitor Baptista , 21 voltas

2 . Marco Cozzi , a 3.158

3 . Guilherme Salas , a 0.883

4 . Raphael Reis , a 0.440

5 . André Moraes Jr , a 0.522

6 . Erik Mayrink , a 0.162

7 . Pedro Boesel , a 0.332

8 . Diego Ramos , a 0.326

9 . Gustavo Myasava , a 0.550

10 . Lukas Moraes , a 1.135

11 . Lauro Traldi , a 7.632

12 . Gabriel Robe , a 1 volta

13 . Marcio Campos , a 1 volta

14 . Leonardo Sanchez , a 1 volta

15 . Raphael Abbate , a 1 volta

16 . Rodrigo Gil , a 1 volta

17 . Gustavo Frigotto , a 1 volta

18 . Gabriel Lusquiños , a 1 volta

19 . Pietro Rimbano , a 4 voltas

20 . Tuca Antoniazzi , a 5 voltas

21 . Felipe Papazissis , a 5 voltas

22 . Matheus Iorio , não largou