Últimas notícias

Baptista tenta sair de Curitiba no Top 5 da tabela

"“Já tivemos onze corridas e, neste final de semana, estará em jogo 84 pontos", comenta o piloto da RCM

Minha meta, das mais difíceis eu sei, será a de conseguir mais pontos do que esses excelentes e mais experientes pilotos da categoria.

- Bruno Baptista

Com 106 pontos e ocupando o 12º lugar do Campeonato Brasileiro de Stock Car, o jovem piloto Bruno Baptista sabe que a sua missão inicial desta temporada, em tentar ficar entre os cinco primeiros do campeonato está muito difícil, mas não impossível. Depende demais das três provas que acontecerão neste final de semana, no Autódromo Internacional de Curitiba, onde serão realizadas a 8ª etapa, no sábado, às 10h50, com uma corrida de 40 minutos mais 1 volta e a 9ª, no domingo, com duas corridas de 30 minutos cada uma e mais 1 volta, a partir das 10h50. Ambas as provas terão transmissão ao vivo pelo Sport TV2.

“Já tivemos onze corridas e, neste final de semana, estará em jogo 84 pontos. O quinto colocado atualmente do campeonato é o Rubens Barrichello, com 148 pontos, o mesmo número do quarto Thiago Camilo. Minha meta, das mais difíceis eu sei, será a de conseguir mais pontos do que esses excelentes e mais experientes pilotos da categoria”, adianta Bruno Baptista, da equipe Toyota RCM Racing, que tem os apoios das empresas Webmotors, HERO, Pro Automotive, Loctite e NGK do Brasil.

Com uma pequena vantagem de correr na pista sede de sua equipe, em São José dos Pinhais, a cerca de 2 km do autódromo paranaense, onde, inclusive, fez seu primeiro treino do ano após ter contraído o vírus Covid-19, em fins de março deste ano, Bruno Baptista acredita que a maior vantagem que terá sobre os pilotos que o inspiraram a entrar na Stock será outra.

“É claro que a nossa equipe conhece demais a pista, mas isso atualmente deixa de ser vantagem quando a gente, pelo regulamento, só pôde fazer um único treino nela. Acredito que o maior handicap que terei sobre o Barrichello, o Thiago e os atuais três líderes do campeonato será a de não ter no meu carro o lastro do sucesso, um peso extra, entre 10 a 30 quilos que levam os cinco melhores classificados em cada uma das etapas”, explica Bruno Baptista.

O campeonato brasileiro deste ano tem na liderança o piloto Cesar Ramos (Toyota Corolla), com 172 pontos, seguido de Ricardo Zonta (Corolla), com 158 e Ricardo Maurício (Chevrolet Cruze), com 156 pontos.