Últimas notícias

Átila Abreu representará a Shell na Crown Racing

Dono de 15 vitórias e 40 pódios na categoria, piloto de Sorocaba assina contrato para defender equipe que já conquistou dois títulos

O sorocabano Átila Abreu representará a Shell na equipe Crown Racing na próxima temporada da Stock Car. Apoiado pela marca desde 2016, o piloto de 32 anos se consolidou nos últimos anos como um dos competidores mais fortes da principal categoria do automobilismo brasileiro.

Com 15 vitórias, dez poles e 40 pódios, Átila vence pelo menos uma corrida em todas as temporadas da Stock desde 2012. No ano passado, Abreu foi o maior vencedor da temporada, com quatro triunfos.

O chefe de equipe William Lube criou seu time próprio (Crown Racing, batizado Voxx Racing em função do patrocinador principal) na temporada de 2013, conquistando dois títulos, em 2015 e 2016. A operação do time foi ampliada para quatro carros na temporada de 2017, com a associação junto com outro experiente preparador, Duda Pamplona.

A Shell é a maior patrocinadora do automobilismo brasileiro. Além de alinhar quatro carros na Stock Car, a marca tem participação em categorias como Stock Light, Porsche Cup, Fórmula 4 e kart.


O que eles disseram:

"Estou muito feliz. A Crown Racing se mostrou nas últimas temporadas uma equipe de ponta, com pilotos muitos bons, uma estrutura e estafe técnico realmente diferenciados. Então poder fazer parte da família deles me deixa muito feliz. Tenho certeza de que vou aprender muito com a metodologia de trabalho deles. Espero somar bastante. Faço essa mudança em busca do meu objetivo, que é buscar o título da categoria. Vejo eles performando muito no fim do ano. O regulamento do ano que vem tem algumas mudanças, mas você vê uma equipe que tem essa estrutura, que já teve um carro Peugeot e depois mudou e conseguiu se adaptar. Mostra que tem um corpo técnico que se adapta rapidamente a novos regulamentos. Isso me enche de esperanças e de vontade de chegar ao ano que vem ainda mais preparado para buscar o título, sem perder o foco nessas últimas corridas. Obviamente estamos num ano diferente do que gostaríamos, mas no fim agora começamos a mostrar mais performance, brigando por vitórias. Vamos focar nessas últimas duas corridas do ano, e aí sim virar a chave para 2020, porque tem muita coisa diferente, com duas montadoras. O regulamento ainda não está escrito, tem muita coisa para 2020. Espero que junto com a equipe, não sei ainda qual será meu companheiro de equipe, qual o corpo que a equipe vai ter, mas tenho certeza de quem ficar lá serão pilotos de ponta, com os quais poderemos trabalhar juntos, somar para elevar o time cada vez mais e colocá-lo no nível em que se encontra hoje, que é brigando por vitórias e sendo protagonista. Vou tentar somar com o time justamente para manter o que eles vêm fazendo nos últimos anos."
Átila Abreu, piloto do carro #51

"Ter um patrocinador do peso da Shell representa muita coisa. Em 2012 eu trabalhava com a Shell e saí para fazer o projeto da minha vida, e retornar para a Shell é um prêmio para todo esse trabalho que estamos fazendo desde 2013 na Crown. Posso oferecer muita coisa ao Átila, a equipe vem numa crescente novamente. Ele sabe que é um grande desafio também, mas acreditamos que podemos fazer um bom trabalho com o Átila e fazer com que ele volte a disputar os primeiros lugares."
William Lube, chefe da equipe Crown Racing

"É um trabalho que estamos fazendo desde 2017, me juntei ao projeto do William de ter quatro carros. O trabalho tem sido legal, esse ano está brigando por vitórias, o que demonstra que realmente a equipe trabalha com quatro carros da mesma forma. Isso dá muita credibilidade para trazer um parceiro como a Shell para dentro do time. Tenho certeza de que vamos dar continuidade a isso para nos dar grandes resultados a um parceiro tão importante no automobilismo brasileiro e mundial. Temos um corpo técnico muito forte, com bastante confiança. A mudança de regulamento é sadia para a categoria, vai trazer benefícios para todos. É continuar dando sequência no trabalho e tenho certeza de que vamos continuar flertando com as vitórias."
Duda Pamplona, engenheiro da equipe Crown Racing

"Assim como havíamos antecipado a ida do Ricardo Zonta para a RCM, agora temos o anúncio do Átila na Crown Racing. O objetivo é claro: brigar pelo campeonato. Nada mais certo do que ter nossos pilotos nos times que foram campeões nas últimas temporadas. A Crown foi campeã em 2015 e 2016, e colocar o Átila num time que em 2019 vem frequentemente largando na frente e vencendo corridas é o caminho mais rápido para brigar pelas vitórias e pelo sonhado título da categoria. Basicamente, a estratégia é simples: ter os nossos pilotos nas melhores equipes da categoria no ano que vem."
Vicente Sfeir, gerente de Motorsport e Patrocínios da Raízen