Suzuki aposta em etapa ainda mais equilibrada no Velopark

"Como a pista é curta, os tempos de volta entre os pilotos ficarão ainda mais próximos", prevê o piloto

O Autódromo de Velopark, em Nova Santa Rita (região metropolitana de Porto Alegre), recebe neste fim de semana (12 a 14 de setembro) a oitava etapa da Stock Car, novo desafio de Rafael Suzuki em sua temporada de estreia na categoria. A rodada dupla marca o início de uma sequência de três provas em circuitos gaúchos, passando também por Santa Cruz do Sul, ainda em setembro, e por Tarumã no início de novembro.

O circuito é o mais curto do calendário, com 2.278 metros de extensão, e conta com características bem técnicas: duas longas retas e curvas de baixa velocidade, com freadas fortes. Tudo isso deve deixar os tempos entre os pilotos muito próximos e, por ser uma pista com poucos pontos de ultrapassagem, a posição de largada será muito importante.

Em franca ascensão na categoria após algumas corridas difíceis, o paulista radicado no Maranhão completou as duas últimas etapas na zona de pontuação e andou constantemente entre os 15 mais rápidos. Além disso, o fato de já ter treinado de Formula 3 no circuito do Velopark o deixa confiante em busca de bons resultados no fim de semana.

"Estive no Velopark como coach e pude dar algumas voltas no circuito com o carro de Formula 3. A tocada é diferente, mas já deu pra conhecer a pista e ter uma boa noção. Como a pista é curta, os tempos de volta entre os pilotos ficarão ainda mais próximos do que já são, por isso temos de estar bem preparados para largarmos no pelotão da frente", explicou Suzuki