Os primeiros pontos de Girolami

O décimo lugar na segunda prova de Goiânia pelo menos serviu para que o argentino saísse do zero na temporada

Não foi bem o aniversário que esperava Nestor Girolami. O argentino da Eisenbahn Racing Team, que completou 27 anos no dia 22 de maio, durante a etapa de Goiânia da Stock Car, marcou seus primeiros pontos na temporada. Mas esperava mais, principalmente pelo que se desenhava na primeira corrida daquele final de semana.

O piloto partiu da 15ª posição, mas um problema elétrico fez com que apenas sete dos oito cilindros do motor de seu carro funcionassem. Ainda na segunda volta da prova, Girolami recolheu aos boxes para que a equipe fizesse os reparos necessários visando largar para a bateria complementar.

“Isso complicou um pouco, porque largar atrás em uma corrida mais curta é difícil”, disse Bebu, que saiu da 25ª posição. A estratégia, a partir dali, era acelerar o máximo o tempo todo sem se preocupar com consumo de combustível e tampouco de pneus.

O argentino, que em 2015 venceu a Corrida de Duplas justamente em Goiânia, correndo como convidado de Ricardo Maurício, iniciou a recuperação e fez várias ultrapassagens. “Aproveitei tudo o que pude para avançar e terminar em décimo, o que me dá alguns pontos pela primeira vez no ano e reconforta um pouco pelo início de ano difícil que temos tido. Perdemos praticamente tudo no começo. Agora seguimos trabalhando forte para a próxima etapa”, disse.