Hot Car quer avanço na classificação

Time quer bons resultados

Salvador recebe neste sábado (15) a penúltima etapa da temporada 2014 da Stock Car. A disputa nas ruas do CAB (Centro Administrativo da Bahia) promete ser quente e para lá de acirrada. A prova marca também a última etapa com o formato rodada dupla do ano, uma das novidades de 2014, e que agitou a principal categoria do automobilismo nacional. Na Hot Car Competições (Bardahl) o objetivo é pontuar e avançar na tabela. Atualmente o time de Amadeu Rodrigues está em nono, entre as 17 equipes do campeonato.

Nesta etapa, a programação será um pouco diferente. As duas sessões de treinos livres ocorrem na sexta-feira (14). No sábado, pela manhã, será realizada a classificação para definição do grid, ficando para o período da tarde a realização das duas corridas equivalentes à 11ª etapa. O canal SporTV vai transmitir ao vivo as duas provas, a partir das 15h.

"Estou bastante animado. No ano passado, o Rafa andou super bem em Salvador e só não foi para o pódio, porque levou uma batida nos metros finais. O Felipe estava em outra equipe, mas também andou muito bem. Então a expectativa é muito boa. Fizemos uma revisão rápida, mas bem completa nos carros e acredito que teremos dois equipamentos bem acertados para buscarmos bons resultados e quem sabe um pódio ou uma vitória em pelo menos uma das provas", comenta Amadeu Rodrigues, que também salienta a importância de escapar dos acidentes no circuito urbano do CAB.

"Como a classificação vai acontecer no mesmo dia que as duas provas, todo cuidado será pouco, principalmente por ser em circuito de rua. Os pilotos vão ter de dosar velocidade e cautela, para não correr o risco de uma batida que pode deixá-los de fora das corridas", finaliza o chefe do time. A equipe Hot Car está atualmente em nono lugar no campeonato, entre os 17 times da categoria.

O mineiro Rafa Matos também está muito animado para a prova de Salvador, a única etapa em circuito de rua do calendário 2014. Este é um tipo de pista que atrai ao piloto de Belo Horizonte.

"Estou bem empolgado e motivado. Salvador é uma pista que nos traz boas lembranças. A gente andou muito bem lá no ano passado, classificamos na quinta colocação, nossa melhor posição de largada. Gosto bastante de circuito de rua, e acho que vai ser uma etapa importante e que podemos pontuar bem. Vamos usar todo o aprendizado desta pista, e tudo que desenvolvemos neste ano, para tentar ao máximo ter um carro competitivo. É um circuito de rua, com poucos pontos de ultrapassagem e por isso é importantíssimo nosso trabalho na classificação", observa o piloto dono do Stock #2.

O paulista Felipe Lappena é outro que tem boas recordações da pista baiana. Ele aposta no bom resultado que obteve no CAB em 2013, quando ficou em décimo, e também acredita no bom ritmo que tem feito nas etapas anteriores para buscar mais pontos no campeonato.

"As expectativas são ótimas. Ano passado larguei em sétimo e fiz uma boa corrida, terminando em décimo. Neste ano, tenho tido bons resultados nas últimas corridas, sempre ali entre os top-10. O que me anima. Gosto muito do circuito do CAB. E quero caprichar na tomada de tempos, que vão ser só duas voltas lançadas. Espero terminar novamente entre os dez nas duas corridas", comenta Lapenna, dono do bólido #110 da Hot Car.