Felipe Lapenna e Raphael Abbate animados para brigar entre os ponteiros em Cascavel

Dupla da Hot Car otimista para a etapa no circuito mais veloz do Brasil

A Hot Car Competições (Bardahl), sob o comando do experiente chefe de equipe Amadeu Rodrigues, chega animada para a disputa neste domingo (dia 17) da sexta etapa da temporada 2016 da Stock Car, que marca a metade do campeonato deste ano. O desafio dos pilotos da principal categoria do Brasil será no autódromo Zilmar Beux, em Cascavel (PR).

A pista de 3.058 metros e sete curvas é a mais veloz do país, com média de mais de 170 km/h. Os treinos no traçado paranaense começam na sexta-feira (15), com o classificatório no sábado (16) ao meio-dia, ao vivo no SporTV. No domingo, a rodada dupla terá suas provas às 13 horas (45 minutos + 1 volta) e às 14h10 (30 minutos + 1 volta) - também ao vivo no SporTV.

O paulista Felipe Lapenna, que marcou pontos em quatro provas este ano, conquistou em Tarumã (RS), no mês passado, seu primeiro Top-10 e espera que o resultado abra um novo caminho, quem sabe para o primeiro pódio.

"A pista de Cascavel tem aspectos parecidos com a de Tarumã. Então, acredito que o set up do carro não seja muito diferente. Fomos bem rápidos nos treinos livres e na corrida em Tarumã e espero continuar assim. O único problema foi mesmo o classificatório. Se largarmos mais à frente, as chances aumentam", declarou o paulista, que foi o sétimo na corrida 1 em Tarumã.

"Em situação de corrida, nosso carro está muito bem. Então, vamos ver como tudo se encaixa. Quem sabe a gente consiga conquistar um pódio em Cascavel", completou o piloto do Stock Car #110.

Já o companheiro Raphael Abbate, que também tem um quarto lugar na temporada, destaca o retrospecto positivo no circuito paranaense. "Cascavel é uma pista que eu gosto bastante. Tenho boas lembranças. Fui pole no Brasileiro de Turismo em 2014 e liderei a corrida até ter um problema no carro", contou.

"No ano passado, já na Stock Car, também tivemos uma boa performance, fomos rápidos nos treinos, mas infelizmente na corrida tive alguns toques, saí da pista, mas o carro era muito competitivo e, com a evolução que temos apresentado nas últimas etapas, acho que vamos estar fortes nesta corrida, para brigar por um Top-5", completou o paulista do Stock Car #26.