Estratégia de troca de pneus será decisiva

Equipes e pilotos estudam a possibilidade de troca dos compostos durante o pit stop obrigatório

O asfalto de Tarumã volta à pauta de pilotos e equipes da Stock Car. Palco da terceira rodada do campeonato, o circuito gaúcho é conhecido pela média de velocidade elevada e também pelo asfalto extremamente abrasivo, o que causa um grande desgaste dos pneus e preocupa os competidores, em busca da melhor estratégia para a corrida deste domingo, 11 horas, ao vivo no SporTV.

Os times estudam a possibilidade de troca de um ou mais compostos durante o pit stop obrigatório. “Sem dúvida essa é uma das nossas preocupações para essa prova. Já vimos inúmeras vezes um pneu estourado mudar o curso da prova e tirar título de piloto”, comentou Ricardo Maurício, que largará na sexta posição.

Para Allam Khodair, que largará mais atrás, na 13a colocação, a agressividade não pode ser deixada de lado, mas a preocupação em poupar o equipamento também deve existir. “Ganhar posições aqui em Tarumã não é fácil. Então vamos procurar uma boa estratégia de prova com o push to pass e ganhar o maior número de posições possível”, lembrou Allam Khodair.

“A estratégia será fundamental amanhã: não adianta ser muito agressivo nas voltas iniciais porque você pode ficar com pneus muito gastos no final da prova. Estou confiante em uma boa performance amanhã”, acrescentou Popó Bueno, o 14o lugar no grid.