Equipe quer provar que não errou no abastecimento de Nonô Figueiredo

Punição foi aplicada ao piloto após a etapa de Curitiba

A Equipe Mobil Super Pioneer tem imagens que, segundo eles, podem provar que o piloto Nonô Figueiredo fez o reabastecimento da forma correta, na manhã deste domingo, e buscará, na Justiça Desportiva, reverter a decisão dos comissários desportivos da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), que o excluíram da décima etapa do Circuito Nova Schin Stock Car. De acordo com Thiago Meneghel, chefe da escuderia, todos os prazos iniciais de apelação foram cumpridos no próprio domingo, no Autódromo de Curitiba, e agora eles vão esperar para apresentar as provas no julgamento.

``A CBA nos puniu dizendo que não fizemos a parada conforme o regulamento prevê. Eles alegaram que o tanque de abastecimento não foi acoplado ao carro. Nós questionamos, pois nossos mecânicos foram seguros e garantiram que o bocal entrou. Fomos buscar imagens, pegamos a da câmera on board do carro do Nonô, que dá para ver pelo retrovisor que entrou, sim. Pegamos também as do carro do Valdeno Brito, cujo box era atrás do nosso, e também pegamos de uma equipe de filmagem que estava com a câmera fixa dentro dos boxes e essa dá para ver claramente o mecânico acoplando e tirando o tanque``, disse Meneghel na manhã desta segunda-feira.

A Equipe Mobil Super Pioneer reuniu todas as provas e as apresentará ao tribunal da CBA para o julgamento, que deve acontecer o mais rapidamente possível, pois a temporada do Circuito Nova Schin Stock Car se encerra dia 15 de dezembro em Interlagos. Nonô Figueiredo, o piloto em atividade com maior número de corridas na categoria, largou em 27º lugar e terminou numa excelente oitava posição, que foi retirada pela CBA. Meneghel continua a falar sobre a punição que considera indevida.

``No nosso entendimento o reabastecimento foi correto, pois o regulamento diz que o carro tem de estar parado, e estava, e que o tanque tem de ser acoplado ao bocal, o que também aconteceu. Não especifica nada sobre a quantidade de combustível que tem de entrar. Parece que o fiscal que estava no nosso box é um contratado somente para o final de semana. Em nenhum momento a CBA nos procurou e estamos recorrendo da decisão, pois uma imagem vale mais do que tudo. Respeitamos os comissários e esperamos que esse erro seja corrigido o quanto antes``, analisa o chefe da Mobil Super Pioneer.

Meneghel e toda a Equipe Mobil Super Pioneer ficaram chateados com a punicão a Nonô, mas festejaram muito a primeira vitória de Átila Abreu na temporada. Depois de largar duas vezes na pole e ter problemas, a quinta conquista na carreira do piloto deu muita alegria a todos na escuderia e elevou o moral do grupo, que busca mais vitórias até o final de 2013. Átila Abreu é o único piloto entre os 34 no grid a ter feito três poles positions na temporada.

O Circuito Nova Schin Stock Car tem organização e realização da Vicar Promoções Desportivas, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). A Nova Schin é o patrocinador master da principal categoria do automobilismo brasileiro, dando nome ao campeonato e traz para as pistas a parceria com o Parada Pela Vida, projeto do Ministério das Cidades, que incentiva o consumo responsável de bebida alcoólica. O evento também tem o patrocínio da Pirelli, além do copatrocínio de Shell V-Power Etanol, Bosch, Mobil Super, Pioneer e o apoio da Transzero. As montadoras são Chevrolet e Peugeot.