Do ‘apertado’ Velopark para a larga pista de Goiânia. Carros e pilotos agradecem

Ao contrário da rodada dupla anterior, fim de semana é promessa de veículos inteiros com espaço para disputar. E a qualidade das batalhas será tão boa quanto

Após duas corridas de sobrevivência no Velopark, onde dava para contar em poucos dedos de uma mão os carros que não haviam sofrido danos ao fim da rodada dupla, a Stock Car deverá ter pela frente uma corrida com bem menos contatos em Goiânia neste fim de semana. E o melhor de tudo: isso não significa de forma alguma a diminuição das disputas.

Como já pôde ser visto em edições anteriores, a pista goiana tem características que proporcionam disputas com alto nível de emoção com um grau igual de segurança e também velocidade. A reta mais longa do calendário também se junta a um dos traçados mais largos de toda a temporada, com pontos claros de ultrapassagem e muito espaço para os robustos carros da categoria disputarem da forma mais limpa possível.

"Goiânia um dos melhores autódromos do Brasil. Já vimos corridas decididas ali nos últimos metros. Nossa equipe, a Full Time, já venceu aqui e tem uma ótima base para trabalharmos em cima nos treinos livres. O traçado me agrada bastante, gosto muito de correr ali e vem servindo como uma corrida de casa enquanto a pista de Brasília segue em reformas", conta Lucas Foresti, um dos principais nomes da nova geração de pilotos da Stock Car.

Promessa é de muito calor e zero chuva - De acordo com a meteorologia, as corridas deverão ser realizadas com um pico de temperatura ambiente na casa dos 31ºC. A mínima no fim de semana ficará em torno dos 17ºC, com nenhuma possibilidade de chuva e ventos na direção leste e nordeste podendo atingir 15 km/h. "Será um fim de semana típico da nossa região com muito calor e pouca umidade. O condicionamento será um fator preponderante", destaca Lucas.

O fim de semana, aliás, será de programação repleta de velocidade: além da Stock Car, teremos rodadas duplas do Brasileiro de Turismo, do Brasileiro de Marcas e uma etapa do Mercedes-Benz Challenge. "Ou seja, teremos uma pista bastante emborrachada e, por outro lado, muita sujeira fora do traçado. Quem sair da linha terá trabalho para limpar os pneus", completa Lucas.

A tomada de tempos da Stock Car acontece às 12h do sábado, com as corridas marcadas para as 13 (prova 1) e 14h10 (prova 2) do domingo. O canal por assinatura SporTV exibe ao vivo as atividades relacionadas acima.