Com ‘grande responsabilidade’ à frente, Meneghel agradece a seus pilotos

Equipe é a quinta colocada no campeonato de equipes da Stock Car e tem Valdeno Brito na terceira posição entre os pilotos

Mais um anúncio feito nesta quinta-feira vai trazendo contornos definitivos à dança das cadeiras da Stock Car para 2017. A Shell Racing, de Átila Abreu e Ricardo Zonta, anunciou que muda sua estrutura da equipe de Rodolpho Mattheis para a TMG Racing, chefiada por Thiago Meneghel.

Para Átila é um retorno ao time que defendeu até o ano passado – quando se chamava AMG Motorsport -, mas agora com novas cores. Em 2016, Meneghel assumiu o controle da equipe e fechou com Valdeno Brito e Guga Lima.

O time vem fazendo uma temporada sólida. Valdeno ocupa a terceira posição no campeonato e já somou vários pódios durante o ano. Com nova dupla definida para 2017, o time de Americana (SP) faz questão de agradecer aos atuais competidores da organização por toda a dedicação e trabalho realizados no ano.

“A nossa dupla atual vem fazendo um grande trabalho; o Valdeno pelos resultados que vem obtendo, brigando pelo título, e o Guga pela evolução que ele vem mostrando durante o ano. A junção destes dois fatores nos possibilitou concretizar esta parceria agora e eles são muito responsáveis por isso”, frisou Meneghel.

“Ficamos tristes por um lado, de deixar de contar com o trabalho destes dois excelentes profissionais, mas por outro também ansiosos em dar um passo importante rumo à solidificação da equipe”, concluiu.