Cavaleiro Sports coloca seus dois carros no top10

Lapenna fica em terceiro e Suzuki em quarto na corrida 2 da rodada dupla, válida pela 3ª etapa

A equipe Cavaleiro Sports colocou seus dois carros no top10 na corrida 2, e sai com saldo positivo de Santa Cruz do Sul palco da rodada dupla da 3ª etapa da Stock Car, em Santa Cruz do Sul (RS).

Depois de um início de trabalho promissor, o time teve uma classificação complicada, com Rafael Suzuki largando em 23º e Felipe Lapenna em 28º. A dupla tinha como meta ganhar o máximo de posições possíveis e reverter em pontos para a equipe paulista. Por isso, depois de alguns problemas na corrida 1 optaram por focar na corrida 2, e a estratégia deu certo, com Lapenna ficando boa parte da corrida em segundo, cruzando a linha de chegada na quarta colocação, mas uma punição de 20 segundos para Sergio Jimenez, após um toque no próprio Lapenna lhe rendeu a terceira posição, com Suzuki chegando na sexta posição, mas herdando a quarta posição depois de Tuka Rocha também sofrer uma punição.

"Como já havia acontecido nas três etapas anteriores vínhamos falando do crescimento da equipe. Esse resultado não é por acaso, nós estamos evoluindo. Não tivemos um final de semana que deu tudo certo. Tivemos um problema no treino e na classificação, então para chegar na frente é mérito do carro ter evoluído. Sabemos que temos que melhorar ainda mais. A equipe toda está trabalhando muito para isso acontecer", disse Lapenna.

Para Suzuki, o bom resultado é consequência do trabalho que vem sendo realizado por toda a equipe. "Considerando o que foi a posição de largada, as dificuldades da primeira corrida. Na segunda corrida, deu um safety car e tivemos a oportunidade de evoluir ainda mais. No final, foi um final de semana de muito aprendizado, que salvou o final de semana da equipe. Voltar a pontuar somando 10 pontos foi bem importante", destacou o piloto representante do Maranhão.

O chefe da equipe Beto Cavaleiro salientou que a superação e a união foram as maiores forças do time para esse resultado. "Esperávamos faz tempo esse resultado melhor e hoje devido tudo que aconteceu neste final de semana, onde os problemas foram muitos, só tínhamos uma saída - trabalhar com a cabeça. Já não era mais o item fundamental o acerto do carro e soubemos trabalhar. Saímos com o carro na primeira corrida trabalhamos para a segunda. O Lapenna e o Suzuki estão de parabéns foram voadores os dois. Souberam esperar, souberam passar e conduzimos da cabine de comando hoje dando um passo para frente. Não é o que esperávamos, pois queremos correr com performance, mas esse final de semana, começamos muito bem com o Suzuki e tomamos um banho de água fria na classificação, que não esperávamos, mas a recompensa veio com esse resultado", concluiu.

A quarta etapa da maior categoria do automobilismo do Brasil está marcada para o dia 11 de novembro, em Cascavel (RS).