Casagrande treina em video game para a disputa em Goiânia

Estreante tinha seis anos quando a Stock Car passou por Goiânia pela última vez

Na Stock Car videogame não é coisa de criança. Muito pelo contrário. Neste final de semana, ele será essencial. Depois de 13 anos a principal categoria do automobilismo brasileiro volta ao reformado Autódromo de Goiânia. Vinte e nove dos 33 pilotos que compõe o grid nunca andaram na pista, mas Gabriel Casagrande se dedicou ao simulador da categoria como treinamento para a quarta etapa do campeonato.
 
"A última vez que a Stock Car correu em Goiânia foi em 2001. Eu tinha seis anos de idade. Então o jeito foi partir para o simulador. Mas não fui o único. E isso deve colocar todo mundo em uma condição um pouco mais igual", afirma o piloto de 19 anos.
 
 A disputa em Goiânia marca ainda o retorno das atividades de pista da Stock Car depois de 33 dias de pausa. Enquanto Casagrande aproveitou este intervalo para se dedicar ao simulador, a equipe C2 Team se debruçou sobre os dois carros do time para desenvolver melhorias após as três primeiras etapas da temporada.??
 
"O período foi de muito trabalho, em que avaliamos e buscamos melhorar e corrigir erros. Os nossos dois carros têm sido muito rápidos, apresentando um bom desempenho nos treinos, mas tivemos alguns problemas de classificação e corrida. Tudo isso foi revisto. A nossa expectativa para Goiânia é muito boa e esperamos conquistar um ótimo resultado", analisa o chefe da equipe C2, Guilherme Ferro