Últimas notícias

Barrichello comemora quarta vitória em Goiânia

Prestes a completar 47 anos, piloto da Mobil Full Time Sports comemora fim de semana "glorioso"

“Que fim de semana glorioso!”. Muito feliz e emocionado, foi desta forma que Rubens Barrichello definiu o resultado da terceira etapa da temporada 2019 da Stock Car, disputada neste domingo (dia 19) no autódromo internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO). O piloto chegou a sua quarta vitória na capital goiana e, com o resultado, está a apenas um ponto do líder Daniel Serra no campeonato.

Depois de um classificatório apertado, no sábado (18), onde passou para o Q2 e Q3 no limite das posições, Barrichello largou da quarta colocação na corrida 1 e encerrou a prova em quinto lugar.

Na segunda corrida, partindo novamente da quarta colocação, o piloto e a equipe Mobil Full Time Sports fizeram uma estratégia perfeita para chegar à vitória. Logo na largada, Barrichello pulou para terceiro, depois conquistou a segunda posição logo nas primeiras voltas e no pit stop assumiu a liderança, vencendo pela quarta vez no traçado de Goiânia.

As três vitórias anteriores também foram especiais: a primeira na Stock Car em 2014, na Corrida do Milhão. Depois repetiu o feito em 2016 e 2018, também numa etapa milionária.

Barrichello, que completará 47 anos na próxima quinta-feira (23), comemorou muito o presente antecipado. “Que fim de semana glorioso. Com tantas coisas acontecendo”, disse o piloto do Stock Car #111.

“Ficamos na ‘risca’ na classificação. Passei em 15º de 15 no Q1, em sexto de seis do Q2. Larguei em quarto na corrida 1 e terminar o fim de semana ganhando uma prova assim, não tem preço”, festejou.

“A vida é um renascimento a cada dia. Eu senti os moleques (os filhos Eduardo e Fernando) no carro comigo. E foi o máximo. Um fim de semana de glória, com tudo aquilo que aconteceu. Esta semana faço 47 anos e este é um belo presente”, continuou Barrichello, que pontuou nas três etapas até aqui e foi ao pódio três vezes em 2019: duas vitórias e um segundo lugar.

“Estar aqui em Goiânia e poder retribuir o carinho desta forma, pulando no meio do público, ganhando mais uma vez, foi incrível”, comentou. “Estar na minha idade, com todo o amor que eu tenho por guiar o carro e estar ainda tão competitivo é realmente especial”, completou Barrichello.

Numa temporada com alto índice de aproveitamento, com os líderes somando quase 75% dos pontos possíveis, o campeão de 2014 diz que ainda é cedo para falar em título.

“É só a terceira etapa, tem muito ainda para acontecer. No final, marcamos pontos fortíssimos no fim de semana. Temos de continuar ali na briga”, finalizou Barrichello.

A quarta etapa da Stock Car, também em rodada dupla, acontecerá no dia 9 de junho, em Londrina (PR).