Após problemas, Senna larga em 28o

"Perdi grande parte dos treinos e isso fez muita falta", disse

Bruno Senna vai largar em 28º na Corrida do Milhão, prova que marcará sua estreia na Stock Car como convidado da organização e que apontará o campeão da temporada 2013. Depois do 18º lugar nos ensaios livres da véspera, o piloto da Equipe Raízen admitiu uma certa decepção com sua posição no grid deste domingo em Interlagos, mas lembrou que os treinos classificatórios são apenas a primeira parte do trabalho do fim de semana. "E a corrida será longa. Tem a questão da estratégia, do reabastecimento e da troca de pneus", explicou.
 
Bruno disse que o tempo parado nos boxes nos ensaios da manhã cobrou um preço elevado no qualifying. "Perdi grande parte dos treinos e isso fez muita falta. Acabamos sofrendo um pouco mais que o previsto na classificação", observou Bruno, que esperava partir no máximo até a 20ª colocação diante de adversários muito mais habituados à categoria e ao traçado paulistano, com sua chicane usada apenas em competições nacionais.
 
Os problemas de Bruno começaram com a quebra da correia do alternador, que, aliada a outros problemas, fizeram com que o piloto perdesse preciosas voltas no último treino livre. "Estou apenas no começo de aprendizado e cada volta faz diferença. Especialmente com pneus usados, onde ainda preciso evoluir para acompanhar o ritmo do pessoal", reconheceu.
 
A corrida pagará o prêmio de um milhão de reais ao vencedor. Com humildade, Bruno lembra que a vitória sempre foi uma possibilidade distante e que a meta em Interlagos será evitar a habitual confusão na primeira curva e levar o carro da Equipe Raízen até à bandeirada. "Terminar a prova será o mais importante. Estou me divertindo e aprendendo. Hoje as coisas foram um pouco difíceis. Espero que amanhã as coisas sejam diferentes".