'70
'80
'90
'00
'10
Atual

Década de 1980 by: By Hero

Evolução e Consolidação

A década de 80 para a Stock Car é um período marcado por evolução e consolidação da categoria no país. Os carros ficaram mais velozes e itens de segurança foram agregados e a média de publicou nas corridas chegou a 50 mil pessoas. Em 1982, a Stock Car realizou sua primeira corrida no exterior, no autódromo de Estoril, em Portugal.

A partir de 1987, a carenagem dos carros passou a ser inserida sobre o chassi do Opala, com equipamentos de segurança mais sofisticados e ganhando em aerodinâmica e no desempenho. No final da década, mais precisamente em 1989, começou a hegemonia de Ingo Hoffmann, com seis títulos consecutivos.

Heróis da década

Ano

Piloto

1980

#7 Ingo Hoffmann

1981

#26 Affonso Giaffone Jr.

1982

#27 Alencar Jr.

1983

#22 Paulo Gomes

1984

#22 Paulo Gomes

1985

#17 Ingo Hoffmann

1986

#67 Marcos Gracia

1987

#31 Zeca Giaffone

1988

#12 Fábio Sotto Mayor

1989

#17 Ingo Hoffmann

Década de 1990 by: By Hero

A Hegemonia de Ingo

Para manter a inovação na Stock Car, a General Motors passa a produzir um protótipo monobloco com o chassi do Opala e a organizar a competição, realizando rodadas duplas em conjunto com a Fórmula Chevrolet. A partir de 1994, a categoria adota como veículo o Omega, adaptado para as corridas.

Entre 1990 e 2000, os campeonatos foram dominados por Ingo Hoffman, que conquistou oito títulos no período, sendo seis consecutivos. Apenas Paulo Gomes, em 1995, e Chico Serra, em 1999, interromperam a hegemonia do “Alemão”.

Heróis da década

Ano

Piloto

1990

#17 Ingo Hoffmann

1991

#17 Ingo Hoffmann / A. Giombelli

1992

#17 Ingo Hoffmann / A. Giombelli

1993

#17 Ingo Hoffmann / A. Giombelli

1994

#17 Ingo Hoffmann

1995

#22 Paulo Gomes

1996

#17 Ingo Hoffmann

1997

#1 Ingo Hoffmann

1998

#1 Ingo Hoffmann

1999

#3 Chico Serra

Década de 2000 by: By Hero

A Stock Car Inova

A Stock Car aposenta os carros adaptados para corrida e passa a competir com bolhas que simulam um veículo sobre um chassi tubular, fabricado pela JL, empresa do ex-piloto Zeca Giaffone. Em 2001, a Vicar, organizadora do evento até hoje, passa a gerenciar a competição.

A partir de 2003, os carros passam a usar motores de oito cilindros importado dos Estados Unidos pela JL. A Categoria passa também a ser multimarca com a entrada de outras montadoras, como Mitsubishi, Peugeot e Volkswagen, além da Chevrolet, parceira da categoria desde o início. As equipes passam a usar a telemetria para ter mais informações e controle sobre o comportamento do carro.

A década também foi marcada pelo grande número de pilotos competindo, com 40 carros no grid em 2005. No mesmo ano também foi realizada uma corrida inédita em Buenos Aires. Três anos depois foi realizada a primeira Corrida do Milhão, que deu o prêmio de US$ 1 milhão ao vencedor Valdeno Brito. No ano seguinte a categoria estreou nos circuitos de rua, com uma prova em Salvador que terminou com a vitória de Cacá Bueno.

Heróis da década

Ano

Piloto

2000

#1 Chico Serra

2001

#1 Chico Serra

2002

#17 Ingo Hoffmann

2003

#35 David Muffato

2004

#9 Giuliano Losacco

2005

#9 Giuliano Losacco

2006

#0 Cacá Bueno

2007

#0 Cacá Bueno

2008

#90 Ricardo Mauricio

2009

#0 Cacá Bueno

Década de 2010 by: By Hero

Sucesso de Público

Seguindo a toada de inovações e mudanças na história da Stock Car, a partir de 2010 os carros da equipe passam a usar etanol, menos poluente que a gasolina. O sucesso da Stock Car nos autódromos e a exposição na TV começaram a atrair grandes pilotos com passagens nas principais categorias do automobilismo mundial, como Rubens Barrichello, que conquistou seu único título no seu segundo ano na Stock Car.

Heróis da década

Ano

Piloto

2010

#65 Max Wilson

2011

#0 Cacá Bueno

2012

#0 Cacá Bueno

2013

#90 Ricardo Mauricio

2014

#111 Rubens Barrichello

2015

#80 Marcos Gomes

2016

#88 Felipe Fraga

Heróis da história by: By Hero

Lendas das pistas

Em quase 40 temporadas, a Stock Car tem 16 pilotos campeões. O grande recordista de títulos é Ingo Hoffman. Dono de 12 títulos da categoria, o “Alemão” disputou 30 temporadas e obteve 77 vitórias em 332 corridas, número difícil de ser ultrapassado pelos atuais competidores diante do equilíbrio entre os pilotos. Cacá Bueno vem na sequência com cinco troféus da Stock Car e é piloto mais próximo a bater os números de Ingo.

A lenda Paulo Gomes é outro grande nome da categoria. O ex-piloto conquistou quatro campeonatos, apesar de dizer brincando para todos que tem cinco, os seus e mais o do seu filho Marcos Gomes, em 2015. Chico Serra é outro nome a ser lembrado, com três títulos seguidos e o recorde de vitórias em uma única temporada, com oito em 1999.

Na galeria de bicampeões aparecem Giuliano Losacco e Ricardo Mauricio. Com um título da Stock Car temos Afonso Giaffone Filho, Alencar Jr., Marcos Gracia, Fábio Sotto Mayor, David Muffato, Max Wilson. Rubens Barrichello, Marcos Gomes e Felipe Fraga, este o piloto mais jovem a ser campeão da categoria

Década

Piloto

'70

Paulo Gomes

'80

Ingo Hoffmann

'90

Ingo Hoffmann

'00

Cacá Bueno

'10

Cacá Bueno